Movimentos sociais e institucionalização – políticas sociais, raça e gênero no Brasil pós-transição

R$43,00

Movimentos sociais e institucionalização – políticas sociais, raça e gênero no Brasil pós-transição

R$43,00

Adrian Gurza Lavalle, Euzeneia Carlos, Monika Dowbor e José Szwako (organização)

 

Com enfoque no período de pós-transição democrática, analisa as relações de mútua constituição entre sociedade civil e Estado, observando diferentes movimentos sociais e organizações de sociedade civil no Brasil e na América Latina, em contextos regionais e federativos. Partindo do referencial teórico de pensadores como Michael Mann, Peter B. Evans e Theda Skocpol, discute a institucionalização de demandas dos movimentos sociais e como o processo afeta a capacidade dessas organizações de impactar as diretrizes governamentais. Utiliza conceitos como “encaixe” e “domínio de agência” para a compreensão dos contextos apresentados, alinhando-se também com o debate sobre questões relacionadas à representatividade dos movimentos negro e indígena e o das mulheres. Com isso, representa uma valiosa contribuição do pensamento político-social brasileiro aos estudos sobre a relação entre sociedade e Estado.

 

410 p.
ISBN 978-85-7511-480-3

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Movimentos sociais e institucionalização – políticas sociais, raça e gênero no Brasil pós-transição”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *