Apresentação

CORUJA EdUERJ black

A EdUERJ foi criada em maio de 1994 e, desde então, tem como principais objetivos a promoção, a coordenação e a regulamentação das atividades editoriais da Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Hoje, decorridas mais de duas décadas, ultrapassou largamente essa proposta inicial, consolidando-se como um agente privilegiado da divulgação do conhecimento por meio de uma elevada qualidade editorial, garantindo com isso o respeito da comunidade acadêmica e do público em geral. Tornou-se, assim, um instrumento fundamental tanto para fomentar o debate crítico, quanto para estimular a publicação da produção científica e intelectual da instituição a que pertence e de outros estabelecimentos de ensino superior e pesquisa.

O resultado desse empenho lhe rendeu seis prêmios e um catálogo com mais de 400 títulos que abrangem campos do conhecimento variados e que têm em comum o cuidado com a linguagem e o esmero gráfico. As coleções também fazem parte desse catálogo ao todo são dez coleções como Ciranda da Poesia, Clássicos da Ciência, Coleção Brasil-Itália, Coleção Sociedade e Política, Geografia Cultural, Coleção Comenius, Matrizes do Saber Contemporâneo, Pensamento Contemporâneo, Pesquisa em Educação e Sexualidade, Gênero e Sociedade.

Recentemente, assumiu a administração do Portal de Publicações Eletrônicas da UERJ que reúne as revistas científicas online. São 83 publicações que passaram a ter o selo EdUERJ na sua condução de políticas editoriais e de pesquisa para o ingresso e permanência no portal.

A EdUERJ integra a Associação Brasileira das Editoras Universitárias (Abeu), que atua no desenvolvimento da cultura editorial das universidades brasileiras. Como editora de uma das universidades estaduais mais jovens do país, tem o desafio de oferecer aos leitores o que há de mais atual na diversificada produção acadêmica e intelectual assim como os textos que ao longo do tempo se tornaram clássicos e que, por isso, são fundamentais para o exercício do pensamento e a consequente geração de novos saberes, cada vez mais específicos. Tem a importância de fazer parte da construção da maturidade intelectual da instituição que dissemina informação além de gerar conhecimento, com a função de ser o elo entre a produção acadêmica e a sociedade. Suas mais diversas obras, além de instigarem a curiosidade, o apetite de saber ou o simples prazer da leitura, possibilitam o aperfeiçoamento cultural, profissional e humano.