UERJ é a universidade com mais projetos aprovados por edital da Faperj

Como forma de ampliar a divulgação de resultados das pesquisas e contribuir para o desenvolvimento científico, tecnológico, econômico, ambiental e social do estado, a quarta edição do programa Apoio à Publicação de Periódicos Científicos e Tecnológicos Institucionais apoiará 54 novos projetos, destinados à publicação de periódicos impressos e/ou por via eletrônica, em todas as áreas de conhecimento, mantidos e editados por instituições científicas e tecnológicas ou sociedades científicas brasileiras, sediadas no estado do Rio de Janeiro. Para isso, o edital conta com um total de recursos de R$ 3 milhões.

Das 18 instituições contempladas, a Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) foi a que teve o maior números de propostas aprovadas, totalizando 12. Entre elas, a do presidente do Conselho Editorial e editor-executivo da Editora da UERJ (EdUERJ), Gláucio Marafon.

Confira a lista na íntegra:

Pesquisador Título
Adriana Benevides Soares Revitalização dos procedimentos de trabalho na revista Estudos e Pesquisas em Psicologia
Breno Marques Bringel DADOS – Revista de Ciências Sociais
Glaucio José Marafon Revista Geo Uerj: qualificando a sua produção
Helena Maria Bomeny Garchet Interseções – revista de estudos interdisciplinares – Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais – Uerj
Inês Barbosa de Oliveira Revista TEIAS (Proped/Uerj)
Isabel Cristina da Silva Bouzas Revista adolescência e saúde
José Ricardo Ferreira Cunha Projeto Revista Direito & Práxis
Karoline Carula Dinamização da Revista Intelléctus
Kenneth Rochel de Camargo Júnior Physis: Revista de Saúde Coletiva
Ricardo Vieiralves de Castro Revista Eletrônica Polêmica
Sérgio Luis Carrara Sexualidade, Saúde e Sociedade – Revista Latino-Americana
Shirley Donizete Prado DEMETRA: Food, Nutrition & Health / Alimentação, Nutrição & Saúde

Puderam submeter propostas pesquisadores vinculados a instituições públicas ou privadas sediadas no estado, com grau de doutor, com currículo cadastrado na plataforma Lattes e membros do corpo editorial do periódico para o qual solicitam recursos. Os proponentes deveriam publicar ou ser mantenedores de periódicos sem fins lucrativos, que já estejam sendo editados; que estejam indexados na base de dados SciELO e/ou classificados no Qualis da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) na área ou subárea do conhecimento para a qual estejam se candidatando; ou em indexadores relevantes e reconhecidos pela comunidade científica e tecnológica. O periódico deve estar efetivamente indexado, e não apenas figurando em coleções, como bibliotecas ou outras do gênero.

Também é preciso que esses periódicos tenham abrangência nacional; contem com corpo editorial; não sejam departamentais, regionais, ou de programas de pós-graduação que publiquem, predominantemente, artigos de autores locais. Devem, ainda, publicar, sobretudo, pesquisas originais, avaliadas por pares e não divulgadas em outros periódicos; ter circulado de forma regular nos dois anos imediatamente anteriores ao da solicitação da proposta (2014-2016); apresentar periodicidade de pelo menos dois fascículos ao ano; possuir International Standard Serial Number (ISSN); representar, em relação a outros periódicos da mesma área, a opção majoritária de publicações por autores brasileiros; atender aos padrões mínimos de normatização para publicação de periódicos científicos da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT); e publicar, no mínimo, cinco artigos por fascículo.

O valor máximo de cada proposta não pôde ultrapassar R$ 150 mil reais, e os recursos solicitados deverão somente financiar despesas de capital, tais como aquisição de materiais permanentes e de equipamentos; ou despesas de custeio, como serviços de terceiros (pessoas físicas e jurídicas); e material de consumo e componentes e/ou peças de reposição de equipamentos.

Com informações da Assessoria de Imprensa da Faperj

Share this post
  ,


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *